Projeto “Entrevista Eletrônica”, entrevista nº 3, ano 1997,  Divaldo Pereira Franco

 

"...Divulgar o Espiritismo por todos os meios nobres ao alcance é dever que nos devemos impor todos os seus adeptos sinceros e conscientes. Nesse sentido, a INTERNET é abençoado veículo que nos chega ensejando a oportunidade. No entanto, é necessário muito cuidado, a fim de que as opiniões pessoais, as paixões de grupos e de seitas não predominem em nosso esforço, descaracterizando o trabalho dignificante.
Ideal seria, se todos aqueles que se propõem a cooperar na divulgação do Espiritismo, particularmente pela INTERNET, que tem uma penetração insuspeitada, tivéssemos o cuidado de elaborar bem os textos, evitando repetições, incorreções doutrinárias e linguísticas - gramaticais e gráficas -, zelando mais pela forma e pelo conteúdo, a fim de qualificar o que se deseja transmitir."